Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias FRÍSIA: Digital Agro debate impactos e tendências da transformação digital no agronegócio

 

 

cabecalho informe

FRÍSIA: Digital Agro debate impactos e tendências da transformação digital no agronegócio

frisia 24 05 2019A Digital Agro, que deve reunir cerca de sete mil pessoas no Parque de Exposições da Frísia, em Carambeí (PR), levará ao público palestras que debaterão as tendências digitais do agronegócio e temas como Smart Farming, Internet das Coisas e os impactos da transformação digital no agronegócio.

Painel - Durante o painel “Smart Farming: aplicações e efetividade das tecnologias”, que será realizado no primeiro dia do evento, o fundador da Hypercubes, Fábio Teixeira, falará sobre o uso de imagens hiperespectrais, tecnologia utilizada na sua plataforma e que, com a ajuda de satélites e sensores especiais, identifica alterações moleculares em uma plantação e monitora com precisão o solo da propriedade.

Robôs - Em seguida, Ole Green falará sobre as tarefas que serão realizadas por robôs e as consequentes mudanças na agricultura durante a palestra "Robótica e implementos inteligentes na agricultura arável”. Green é engenheiro agrônomo, professor do Departamento de Agroecologia da Universidade de Aarhus, na Dinamarca, e fundador e CEO da Agrointelli, empresa focada na sustentabilidade da agricultura arável.

Internet das Coisas - No início da tarde, Daoud Urdu, que é pesquisador de Gestão da Informação na Universidade de Wageningen, na Holanda, abre o painel “Internet das Coisas: desafios e oportunidades”, falando sobre o desenvolvimento de Internet das Coisas para o agronegócio na Europa. Fechando a programação de palestras do primeiro dia, o gerente de Desenvolvimento de Negócios em Agronegócio Inteligente no Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD), Fabrício Lira, fala sobre os desafios para a transformação digital no agronegócio brasileiro.

Projeto Carponis - Ainda no tema sustentabilidade, a chefe-adjunta de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa Territorial, Lucíola Magalhães, apresentará o Projeto Carponis: um satélite brasileiro de alta resolução operado pela Embrapa, cujas imagens são aplicadas nos estudos da produção de alimentos, fibras e energia no Brasil.

Plataformas digitais - Fechando a programação do evento, o painel “Plataformas digitais: integração e sincronização de dados”, traz o engenheiro eletrônico e professor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (UPS), Antônio Mauro Saraiva, para falar sobre agricultura de precisão. Em seguida, o diretor de marketing da John Deere, Cristiano Correia, ministra a palestra “Digital conduzindo decisões”, que vai debater temas como agricultura digital, conectividade e inovação no sistema de produção agrícola.

Palestras técnicas - Haverá ainda palestras técnicas em miniauditórios. A terceira edição da Digital Agro conta com mais de 40 expositores e treinamentos especializados.

Sobre a Frísia Cooperativa Agroindustrial - Fundada em 1925, a Frísia é a cooperativa mais antiga do Paraná e segunda do Brasil. Localizada na região dos Campos Gerais, tem sua produção voltada ao leite, carne e grãos, principalmente, trigo, soja e milho. A cooperativa é resultado da união do trabalho de todos os cooperados e colaboradores; da diversificação da produção, englobando a produção leiteira, de grãos e de proteína animal; e da alta qualidade do que é feito e comercializado, com animais de excelente genética, rastreamento e investimento em tecnologia, infraestrutura e mão de obra. Os valores da cooperativa são Fidelidade, Responsabilidade, Intercooperação, Sustentabilidade, Integridade e Atitude (FRISIA).

Sobre a Fundação ABC- A Fundação ABC é uma instituição de pesquisa agropecuária que realiza trabalhos para desenvolver e adaptar novas tecnologias, com o objetivo de melhorar as produtividades de forma sustentável aos mais de cinco mil produtores rurais filiados às cooperativas Frísia, Castrolanda e Capal, além dos agricultores contribuintes. O trabalho da fundação abrange uma área de 467,2 mil hectares, além de uma bacia leiteira de mais de 678 milhões de litros/ano. A instituição também realiza projetos de pesquisa com empresas privadas, por contratos de cooperação técnica, e mantém vínculos com empresas de pesquisa pública. A sede é em Castro (PR) e os cinco campos demonstrativos e experimentais ficam estrategicamente espalhados pela área de atuação. (Imprensa Frísia)

SERVIÇO

Digital Agro

11 a 13 de junho

www.digitalagro.com.br

Parque de Exposições Frísia

Anexo ao Parque Histórico de Carambeí (PR), Avenida dos Pioneiros, 4.050

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias