cabecalho informe

SAÚDE: Implante de ouvido biônico é realizado pela primeira vez no Hospital Geral da Unimed PG

 

Nesta quinta-feira (09/01), o Hospital Geral da Unimed Ponta Grossa (HGU) realizou, pela primeira vez no município, um procedimento de implante coclear. O aparelho é popularmente conhecido como ouvido biônico e é indicado para pacientes com perda auditiva severa e profunda bilateral. O dispositivo eletrônico substitui, parcialmente, as células do ouvido interno, transformando sons em estímulos elétricos, que são enviados diretamente para o nervo auditivo.

 

Tecnologia - Para a realização desse tipo de cirurgia, é necessário a disponibilidade de tecnologia e de equipe. “Envolve uma equipe muito grande, tecnologia e é uma cirurgia delicada. Envolve um conjunto muito grande de fatores, até que pudéssemos ter tudo isso reunido para fazer a cirurgia aqui na cidade”, explica João Eduardo Maestri, cirurgião responsável pelo procedimento, que durou cerca de quatro horas.

 

Qualidade de vida - De acordo com ele, o implante coclear vai permitir melhorar a qualidade de vida do paciente. “Mesmo com o uso de aparelhos auditivos bem regulados, muitas vezes, ele conseguia escutar, mas não entendia o som. Com o implante, ele vai poder escutar melhor, compreender melhor. É um grande ganho para a comunidade ter a disponibilidade de um serviço desse aqui em Ponta Grossa”.

 

Equipe - Além de Maestri, dos profissionais de enfermagem e da instrumentadora, a equipe que também participou do procedimento foi composta pelo otorrinolaringologista André Ataíde, de Curitiba; pelo neurocirurgião Romero de Castro Vieira; pelo anestesista Marino Berardi e pelas fonoaudiólogas Natália Molina e Thaís Trevisan. (Imprensa Unimed Ponta Grossa)

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias