Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias FRIMESA II: Cooperativa e seus parceiros formaram terceira turma de bombeiros civis

 

 

cabecalho informe

FRIMESA II: Cooperativa e seus parceiros formaram terceira turma de bombeiros civis

 

frimesa ii 15 01 2020Foram 210 horas de força, dedicação, disciplina, resiliência e muita persistência dos dezesseis colaboradores que se formaram Bombeiro Civil, na Frimesa, no mês de novembro de 2019, na Assercoop. Eles foram treinados para proteger tanto as pessoas quanto o patrimônio através de conteúdos práticos e teóricos sobre o combate a incêndio, resgate em altura, resgate em espaço confinado, resgate em ambiente gaseificado, manuseio de produtos perigosos e primeiros socorros. As atividades foram ministradas pela Action Life Treinamentos de Guarapuava, através da Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do Paraná (Sescoop/PR). Essa é a terceira turma de Bombeiro Civil e a primeira composta por colaboradores, apenas da Unidade Fabril de Medianeira. A inclusão de Bombeiro Civil na planta industrial da Cooperativa Frimesa é uma das exigências do Bombeiro Militar para liberação de alvará de funcionamento. Na Unidade de Medianeira a legislação exige que tenha três bombeiros civis por turno.

 

Responsabilidade - Para o diretor executivo da Frimesa, a profissão de bombeiro lida com a vida das pessoas. “Eles têm em suas mãos a maior responsabilidade existente. Salvar vidas é uma missão árdua que exige disciplina, comprometimento e muita dedicação”, parabeniza. A maioria dos colaboradores que participaram do treinamento trabalham em áreas distintas e, pela primeira vez, tiveram contato com atividades de Bombeiro Civil. O colaborador da mecânica geral, Rafael Gustavo Wolhmuth, afirma que saber como agir quando alguém precisa de ajuda é algo gratificante. “Sem contar os momentos de superação, os amigos que fizemos, o controle psicológico e a dor física. Eu gostei muito e vou buscar mais conhecimento na área”, avalia. 

 

Economia de água - Durante o treinamento do Bombeiro Civil realizado no mês de outubro, foi aplicado o projeto para economizar água na parte prática de combate a incêndio e gerou uma economia de R$ 1.500,00 no período de seis meses.  Todas essas mudanças geraram um custo de R$ 5.423,97. Em 2018, era utilizado água potável para a atividade o que ocasionava uma perda de 1.123.71 metros cúbicos chegando a um valor de RS 8.772,00 em gastos. 

 

Solução - A solução encontrada para economizar foi o reuso da água. A Frimesa possui um reservatório para lavar os caminhões, então adaptou-se uma caixa d’água e uma bomba reaproveitada, aumentando a capacidade de armazenamento. “Avaliando o payback, tivemos em apenas seis meses, uma economia de quase a metade do valor que gastamos para aplicar em apenas um treinamento. Além disso, proporciona qualidade na capacitação por ter mais vasão de água de reuso”, avalia o participante do projeto, Antonio Gimenes Junior.  Essa é uma das ações sustentáveis aplicada na Frimesa para gerar economia e cuidar do meio ambiente. Os autores da melhoria, foram os colaboradores, Antonio Carlos Gimenes Junior (T.I), Guilherme Muller Angra (DGP), Valmor Valentini (Industrializados), Vandrei Bloemer (Fatiados/Cortes) e Wilian Tiago Tavares Gloger (Manutenção). (Imprensa Frimesa)

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias