COVID-19 III: Ministra diz que agroindústrias não podem parar por conta do desabastecimento

covid III 23 03 2020Diante de uma liminar emitida na última sexta-feira (20/03) por um juiz de Santa Catarina, determinando a paralisação ou redução da jornada de algumas plantas agroindústrias naquele Estado, no sábado (21/03), a rede TV CNN Brasil conversou com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, sobre o assunto. Na ocasião, ela disse que o papel do governo é se preocupar com as pessoas e com a segurança. “Eu tenho conversado com as lideranças das entidades de classe, em especial, com as de proteína animal, que representam o setor que possuem ambientes com muitas pessoas trabalhando juntas. Precisamos ter cuidado e todas essas agroindústrias já desencadearam ações de contingenciamento, tanto no ambiente do trabalho como no transporte”, frisou.

Desabastecimento - Mesmo com todas essas preocupações para que se preserve a vida, a ministra disse que essas agroindústrias não podem parar. “No mundo todo esse tipo de indústria continua funcionando, onde o coronavírus iniciou, na própria Itália, o problema é seríssimo e a indústria de alimentos continuou funcionando com todo o cuidado necessário”. Tereza Cristina frisou que estamos vivendo um momento muito difícil. “Um momento quase de guerra, mas com bom senso e equilíbrio, diálogo e informação, vamos poder continuar produzindo alimentos e sem desabastecimento. O Decreto 10.282 traz uma unidade nas ações de todos os governos em relação a esta situação emergencial e temos que conversar com o Poder Judiciário e o setor apresentar o que já está sendo feito no aspecto da segurança de seus funcionários”.

Decreto - No dia 20 de março, foram publicados no Diário Oficial da União, o Decreto nº 10.282 e a Medida Provisória 296 especificam quais serviços essenciais que não devem ser interrompidos durante o período de combate ao coronavírus e, também, estabeleceram novos procedimentos para simplificar as compras públicas destinadas ao enfrentamento da emergência de saúde pública.

Link - Clique no link abaixo para conferir a entrevista da ministra da Agricultura, Tereza Cristina.

https://youtu.be/QksxG0f57Ys

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn