Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias FORMAÇÃO: Curso com Universidade de Babson estimulou reflexão e troca de experiências, avaliam dirigentes

 

 

cabecalho informe

FORMAÇÃO: Curso com Universidade de Babson estimulou reflexão e troca de experiências, avaliam dirigentes

Na avaliação de dirigentes que participaram de curso com professores da Universidade de Babson, de 03 a 07 de julho, no Hotel NH Five, em Curitiba, o treinamento estimulou a reflexão e troca de experiências entre os participantes. O evento de capacitação faz parte do Programa de Desenvolvimento de Presidentes de Cooperativas e foi resultado de uma parceria entre o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop/PR) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/PR). Durante cinco dias, os participantes tiveram módulos e discussões a respeito de planejamento de transição e governança, sucessão, planos de desenvolvimento, liderança, inteligência emocional, competência social e mudança intencional. Trinta dirigentes de 27 cooperativas do Paraná participaram do curso ministrado pelos professores Scott Taylor e Les Charm, da Universidade de Babson, instituição norte-americana que é referência internacional em educação voltada a negócios e empreendedorismo.

Interação - Na opinião do presidente da Unimed Ponta Grossa, Rafael Francisco dos Santos, além de professores preparados e informações úteis e relevantes, o curso primou pela metodologia adequada, que estimulou a interação e participação dos dirigentes. “Isso fez com que houvesse uma imersão nos temas discutidos e a produtividade e resposta dos participantes foram muito positivas. Foi uma semana diferente, ficamos fora do nosso ambiente cotidiano, convivendo com outros dirigentes, conhecendo as experiências de outras cooperativas, de diversos ramos econômicos, e isso abre a cabeça para novas ideias”, afirmou.

Dinâmica - Na avaliação do presidente do Sicoob Vale do Iguaçu, João Bactista Manfroi, o curso superou suas expectativas, utilizando uma dinâmica de trabalho participativa. “Os professores nos estimularam a pensar, colocaram questões que foram respondidas e solucionadas pelos participantes. Quem vivencia um curso com essa qualidade se desenvolve, relata suas experiências e ouve os casos vivenciados pelos demais, e essa troca cria uma harmonia entre o grupo e faz com que consigamos aprender muito mais. Agora vamos fazer uma análise, pensar, refletir, e colocar em prática aquilo que aprendemos”, ressaltou. 

Pessoas - Para o presidente da Capal, Erik Bosch, o curso estimulou a reflexão e a convivência entre os participantes. “Os dias passavam sem eu perceber, duas horas não eram nada de tão intensos que foram os grupos de trabalho. Com discussões e temas tão interessantes, o tempo voava. O que aprendi de forma muito forte nesses cinco dias de estudos é que tudo está baseado nas pessoas, o foco tem que estar direcionado à gestão de pessoas. As pessoas fazem ou quebram uma empresa. A gente tem que dar o máximo de apoio e atenção às pessoas, para que elas se sintam pertencentes, se sintam bem no trabalho. Só assim se consegue tirar o máximo em produtividade”, relatou.

Diferenciais - O superintendente do Sescoop/PR, Leonardo Boesche, que participou do curso, fez uma avaliação do evento e dos diferenciais desse módulo de capacitação. “O Sescoop/PR busca atender às demandas de treinamento dos diversos públicos e esse curso é direcionado à formação de lideranças. Tenho acompanhado vários treinamentos e entendo que o diferencial desse evento é sua característica de estimular a autoavaliação e a reflexão sobre o que cada um de nós tem feito para a cooperativa, a organização, a família e a si mesmo. Outro aspecto muito positivo é a troca de informações constantes entre os participantes, que compartilham problemas e anseios, o que cria um laço muito forte de amizade e companheirismo, o que favorece a aprendizagem”, afirmou. “Foram cinco dias intensos de conhecimento, reflexão e convivência. O aprendizado veio não só do conhecimento dos professores da Universidade de Babson, mas também da experiência de cada um dos alunos que participaram”, concluiu. 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias