cabecalho informe

ALEGRA: Unidade tem 98% da sua energia baseada em fontes renováveis

alegra 10 01 2018A Alegra vem demonstrando que é possível trabalhar com energias renováveis em larga escala. Dados do Relatório de Sustentabilidade da marca, elaborado em parceria com o Laboratório de Estudos em Sistemas Produtivos Sustentáveis (Lesp), da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, apontam que 98% da matriz energética utilizada é baseada em fontes renováveis, dessa forma é menor a sua dependência de fatores externos.

Diretrizes - O Relatório de Sustentabilidade é baseado nas diretrizes da Global Reporting Initiative (GRI) e estão registrados no documento as informações do perfil organizacional, desempenho econômico, social e ambiental da marca no período referente de janeiro a dezembro de 2016, o mais atualizado.

Principal fonte - De acordo com o relatório, a principal fonte de energia utilizada na marca é o cavaco. Ele é um recurso renovável composto por lascas cisalhadas que são recursos retirados de toras de madeira.

Características energéticas - “Este tipo de energia tem ótimas características energéticas e 77,3% do total de cavaco utilizado vem diretamente dos cooperados da região. O que é gerado dessas fontes é utilizado para produção de vapor e nos sistemas de resfriamento”, revela Ivonei Durigon, superintendente da Alegra.

Diesel e GLP - O óleo diesel e o gás GLP são somente utilizados para transporte interno e para empilhadeiras. Ambos correspondem a 0,06% e 0,19% da energia consumida, respectivamente.

Atuação - A Alegra atua no mercado brasileiro e já abriu portas em outros 23 países: Angola, Argentina, Armênia, Azerbaijão, Bahamas, Bonaire, Cabo Verde, Cingapura, Congo, Costa do Marfim, Cuba, Dubai, Geórgia, Granada, Haiti, Hong Kong, Kosovo, Maldivas, Moldávia, Oman, Paraguai, São Martinho, Seychelles e Uruguai.

Sobre a Alegra - A Alegra apresenta os melhores cortes suínos do mercado e os produtos são fabricados na Unidade Industrial de Carnes, localizada em Castro (PR). Ela faz parte da Unium, marca da intercooperação formado pela Frísia, Castrolanda e Capal. Juntas, as cooperativas produzem industrialmente lácteos da marca Colônia Holandesa nas unidades de beneficiamento de leite de Ponta Grossa, Castro e Itapetininga (SP) e fabricam a farinha de trigo da marca Herança Holandesa em Ponta Grossa. Conheça mais sobre a Alegra em www.alegrafoods.com.br. (Imprensa Alegra)

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias