RAMO CRÉDITO: Dirigentes da Cresol visitam a sede do Sistema Ocepar

Dirigentes do Sistema Cresol estiveram, na manhã desta terça-feira (18/12), na sede do Sistema Ocepar, em Curitiba. Os cooperativistas foram recebidos pelo presidente José Roberto Ricken e o superintendente, Robson Mafioletti. Na pauta do encontro, o intercâmbio de informações sobre a estrutura das instituições, bem como o aprofundamento dos procedimentos de registro da Cresol na Ocepar. Com sede em Francisco Beltrão, a cooperativa de crédito deverá ingressar no quadro de representação da entidade em 2019. Entre os dirigentes visitantes, estavam o presidente da Cresol Baser, Alzimiro Thomé, e o diretor superintendente, Adriano Michelon.

Aproximação Segundo Thomé, o sistema Cresol Baser abrange 21 cooperativas e congrega cerca de 200 mil cooperados, com 147 agências e presença em 227 municípios do estado. A Central atua em outros nove estados, administrando volume de ativos superior a R$ 4 bilhões, sendo R$ 2,92 bilhões em operações no Paraná. “No projeto de governança da cooperativa, é importante manter uma aproximação com os sistemas Ocepar e OCB, pensando também nos próximos passos do cooperativismo do futuro. Esse diálogo é muito positivo e é uma forma de intensificar e fortalecer o cooperativismo”, afirmou o presidente.

CrescimentoDe acordo com o dirigente, a Cresol fechará o ano de 2018 com crescimento estimado em 21%. Para 2019, a expectativa é de um crescimento de 25%. “A visita e a aproximação com a Ocepar é sem dúvida um momento histórico para o cooperativismo de crédito. Agradecemos a boa recepção aos projetos que apresentamos e que podemos construir em conjunto e levar adiante”, disse. “Trabalhamos muito focados nos projetos de crédito rural e no fortalecimento dos pequenos municípios”, ressaltou.

Parcerias Segundo o presidente da Ocepar, a visita dos dirigentes da Cresol representou um passo importante para ampliar as parcerias estratégicas e a união de forças entre as instituições. “Vamos atuar no ritmo adequado para aprofundar o diálogo e descobrir sinergias, construindo uma parceria duradoura e que promova a integração entre a cooperativa e a Ocepar”, concluiu Ricken. 

 

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn