cabecalho informe

DIA DO BIBLIOTECÁRIO: Evento chama a atenção para a importância do profissional de biblioteconomia

Em comemoração ao Dia do Bibliotecário (celebrado em 12 de março), o Conselho Regional de Biblioteconomia da 9ª Região (CRB-9 Paraná) promoveu, em 15 de março, evento de congraçamento e reflexão sobre a profissão. Uma tenda foi montada no pátio da Reitoria da Universidade Federal do Paraná, em Curitiba, com o objetivo de chamar a atenção sobre a importância destes profissionais para a formação da consciência crítica e cidadã. Bibliotecários, estudantes e público em geral puderam acompanhar discussões sobre temas variadas, tais como fake new e pós-verdade, biblioteca escolar e biblioativismo. O ciclo de debates foi encerrado com show musical de Estrela Leminski e Téo Ruiz. O evento contou com o apoio da UFPR, Sinditest, EBSCO e SophiA.

Protagonismo - A abertura do evento foi feita pelo reitor da UFPR, Ricardo Marcelo Fonseca, e pelo presidente do CRB-9 Paraná, Adriano Lopes. Na opinião do reitor, o bibliotecário é um “agente fundamental” para a disseminação da cultura e do conhecimento. “Contra a corrente da ignorância que tenta nos atropelar, o papel deste profissional (bibliotecário), talvez, mais do que nunca em nossa história, assume protagonismo. Vamos aprofundar o diálogo para que o curso de biblioteconomia volte para nossa universidade”, afirmou.  

Biblioteca nas escolas -  Segundo o presidente do Conselho Regional de Biblioteconomia, o setor está mobilizado para o efetivo cumprimento da Lei N° 12.244/2010, que dispõe sobre a universalização das bibliotecas nas instituições de ensino no país. Até 2020, todas as escolas brasileiras devem ter biblioteca e um profissional da área contratado para o suporte aos estudantes. “Temos cobrado, por meio de ofício, bem como por visita de nossa fiscal, a abertura das bibliotecas e a presença dos profissionais. O bibliotecário é um elemento de intermediação para que uma pessoa encontre a informação que busca, de forma precisa e que resolva a sua necessidade. Estamos numa luta que importa a toda a sociedade, para que hajam bibliotecas nas escolas, o que é fundamental para a formação dos estudantes desse país”, concluiu.  

História - O Dia do Bibliotecário (12 de março) foi instituído pelo Decreto n. 84.631 de 9/4/1980. É a data do nascimento do bibliotecário, escritor e poeta Manuel Bastos Tigre. Engenheiro e bibliotecário por vocação, deixou a engenharia para atuar na biblioteconomia. Foi o 1º bibliotecário concursado do Museu Nacional no Rio de Janeiro. Manuel Bastos Tigre trouxe um enfoque comum a todos os bibliotecários: “Disseminar a informação e o conhecimento, a fim de promover o desenvolvimento cultural e social do país”. O primeiro curso de biblioteconomia no Brasil foi em 1915, na Biblioteca Nacional.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias