Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias COOPAVEL: O mercado e o profissional do futuro

 

 

cabecalho informe

COOPAVEL: O mercado e o profissional do futuro

 

coopavel 18 07 2019O professor Jean Matos comanda o compartilhamento dos conteúdos de um conjunto de palestras destinadas a diretores, cooperados e colaboradores da Coopavel. O aspecto central da apresentação, que sofre algumas alterações segundo o público alcançado, é o mercado de trabalho e o profissional do futuro. Atento às mudanças e novidades de uma era de movimentos intensos, Jean faz relações com o passado e de como algumas atividades, as que resistem às inovações e tecnologias, se transformaram com o tempo.

 

Pesquisa - Uma pesquisa da revista Exame é empregada para dar pistas sobre o tão desejado profissional do futuro. A investigação toma por base a apresentação de uma mesma pergunta a uma banca de especialistas em recursos humanos, que tinham que apontar qualidades que se espera desse novo colaborador. E muitas das atribuições ditas como novas na verdade são antigas e incorporadas aos hábitos do homem em sociedade desde o início dos tempos, aponta Jean Matos. Entre elas estão velhas conhecidas como ética, flexibilidade, criatividade e poder de comunicação.

 

Conexões - De acordo com o professor, em uma época de tantas conexões e que cultua a moda do compartilhamento, tudo está mais rápido, inteligente e dinâmico. Então, como se preparar para o que virá? e não sucumbir às expectativas do patrão e de um mercado cada vez mais exigente? A conclusão mais simples e acertada, segundo Jean, está em adaptar-se, em estudar, em incorporar novas habilidades ao seu cotidiano e em ampliar continuamente o seu leque de relacionamentos profissionais.

 

Extremos - Estudos também apontam para outra constatação apresentada pelo professor durante os treinamentos agendados pela Unicoop, a Universidade Coopavel: as grandes mudanças, aquelas que realmente impactam, estão associadas a dois extremos. Ou elas ocorrem por inspiração ou por desespero. De qualquer forma, a atualidade não admite algumas circunstâncias e ficar parado, inerte a tantas novidades e possibilidades, é uma delas. (Imprensa Coopavel)

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias