cabecalho informe

CRESOL: Iniciada a operacionalização do novo Plano Safra

cresol 06 07 2020Na quarta-feira (01/07), a Cresol iniciou oficialmente a contratação de crédito rural do Plano Safra 2020/2021. O anúncio sobre as regras deste ano agrícola foi realizado no dia 17 de junho pelo Governo Federal que destacou a redução de taxas de juros e o aumento do volume de recursos disponibilizados.

Tempo recorde - A Cresol, mais uma vez, fez com que os recursos chegassem ao cooperado em tempo recorde. Nos primeiros dias de operação as propostas cadastradas somaram o montante de aproximadamente R$ 40 milhões, entre custeio e investimento.

Expectativas superadas - Na Safra 19/20 que encerrou no último dia 30, a Cresol novamente superou as expectativas, liberando mais de R$ 3 bilhões em crédito para custeio e investimento, o que representa 10% do total nacional. Adriano Michelon, superintendente da Cresol Baser e vice-presidente da Cresol Confederação, lembra que a Cresol é especialista em crédito rural: “a cada ano estamos superando o montante destinado aos nossos cooperados, buscando sempre mais recursos e investindo em tecnologias que garantem agilidade na contratação e liberação do recurso”, destacou.

Recursos - O novo Plano Safra tem disponível R$ 236,3 bilhões para apoiar a produção agrícola nacional, um aumento de R$ 13,5 bilhões em relação ao plano anterior. Pequenos produtores terão, por exemplo, R$ 33 bilhões para financiamento pelo Pronaf (Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar), com juros de 2,75% e 4% ao ano. A taxa para médios produtores será de 5% e, para os grandes produtores, de 6% ao ano.

Médios produtores - Para os médios produtores rurais, serão destinados R$ 33,1 bilhões, por meio do Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp), com taxas de juros de 5% ao ano (custeio e comercialização). Para os grandes produtores, a taxa de juros será de 6% ao ano.

Grande safra - “Com certeza teremos mais uma grande safra, pois o agro não para. Assim, reafirmamos nosso compromisso com o cooperado, proporcionado a ele melhores condições para desenvolver seu negócio”, finalizou Michelon. (Imprensa Cresol)

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias