Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias COPACOL: Manutenção e manuseio correto dos equipamentos evitar casos de emergência/sinistros

 

 

cabecalho informe

COPACOL: Manutenção e manuseio correto dos equipamentos evitar casos de emergência/sinistros

 

copacol 15 09 2020A manutenção básica dos equipamentos, como realização de limpeza e revisão das máquinas, equipamentos e acessórios no sistema de funcionamento da granja, é essencial para evitar a ocorrência de sinistros e não comprometer o desempenho do lote. O momento climático atual de muita seca e de altas temperaturas exige mais atenção de todos e, na avicultura os cuidados devem ser redobrados, pois o bom desenvolvimento do frango depende muito da ambiência da granja. 

 

Orientação - A Copacol, através de toda a sua equipe técnica, orienta os produtores sobre esses cuidados diários, principalmente nesta época do ano, como explica Amanda Carmem Charalo, médica veterinária da Copacol de Formosa do Oeste. “Nós reforçamos aos produtores os cuidados básicos para manutenção de boa ambiência e mínimas variações de clima dentro do galpão. Os manejos básicos - envolvendo temperatura, umidade e ventilação - recomendados pela equipe técnica auxiliam no bom desempenho do lote, evitando, consequentemente, possíveis sinistros”, alerta Amanda.

 

Correias - Entre as várias orientações para manutenção de equipamentos que podem evitar perdas nos lotes, está a substituição de correias de exaustores, por exemplo. Elas precisam ser trocadas a cada cinco lotes, afinal os exaustores são mais eficientes quando as condições das correias são boas. “Vale lembrar também que periodicamente deve-se realizar o aperto dessas, pois mesmo novas precisam ser revisadas. Quando necessitar de troca utilizar a correia dentada que aumenta a tração dos exaustores e consequentemente aumenta a extração de ar, melhorando a ventilação”, destaca a veterinária.

 

Cautela - É importante lembrar que a umidade relativa aumenta a sensação térmica, por isso é importante ter cautela na utilização de placas e nebulizadores, não utilizando esses equipamentos a partir de 80% de umidade. Com esses manejos básicos conseguimos aproveitar melhor os equipamentos de climatização do aviário, melhorando a ambiência e o desempenho das aves. (Assessoria Copacol)

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias