Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias INTEGRADA: Demanda mundial de alimentos tende a aumentar diante da recuperação gradual da economia

 

 

cabecalho informe

INTEGRADA: Demanda mundial de alimentos tende a aumentar diante da recuperação gradual da economia

integrada 28 09 2020Com a retomada gradual da economia mundial, a demanda por alimentos tende a aumentar. Em decorrência disso, os preços das commodities - em dólar - começam a dar sinais de recuperação no mercado internacional. A análise é do consultor da MB Agro, Alexandre Mendonça de Barros apresentada durante a Live Integrada “Agronegócio: clima, mercados e o cenário de commodities”, ocorrida no último dia 24, no canal da cooperativa no Youtube.

Mercados interno e externo - Mediada pelo superintendente comercial da cooperativa, João Bosco de Souza Azevedo, o consultor abordou questões relacionadas ao mercado interno e externo de commodities agrícolas. Diante da afirmativa de elevação dos preços das commodities, disse que o fato, por outro lado, também elevará os preços dos insumos. “O produtor precisará equilibrar a aquisição de insumos”, frisou Barros.

Soja - Para o consultor, a demanda do mercado externo por soja, principalmente pela China, tende a crescer. No caso do país asiático, a reconstrução do plantel de suínos, devastado depois da Peste Suína, tende a elevar a demanda por farelo de soja. Ele explica que o suíno demora 18 meses para engordar, por isso as demandas das safras 2020/21, 2021/22 e 2022/23 tendem a ser muito altas.

Clima - Com relação ao clima, a tendência, aponta o consultor da MBAgro, é de maior probabilidade de influência do La Niña. Com isso, há uma maior possibilidade de escassez de chuvas nas principais regiões produtivas. “As chuvas serão mais esparsas e atrasadas”. Com isso, completa Alexandre, o cenário da safra verão tende a ser semelhante ao ciclo anterior (2019/20).

Semeadura - A semeadura tende a ser tardia, empurrando a segunda safra um pouco mais a frente. Mesmo com um clima incerto, a tendência é de alta na safra. De acordo com dados do departamento de agricultura dos Estados Unidos (USDA), o Brasil deve colher 133 milhões de toneladas de soja, ante os 126 milhões de tonadas do ciclo 2019/20.

Transmissão - Para assistir a transmissão na íntegra, acesse: https://youtu.be/5_56Ap-5Hog. (Imprensa Integrada)

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias