cabecalho informe

REUNIÃO INSTITUCIONAL II: Unimed Londrina destaca atuação do Sistema Ocepar durante a pandemia

 

Representação institucional, cenários econômico e financeiro e as atividades finalísticas do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop/PR). Estes foram os assuntos da reunião institucional, realizada na tarde desta quinta-feira (15/10), por videoconferência, entre dirigentes da cooperativa e equipes do Sistema Ocepar. “Outro importante objetivo dessas reuniões é conhecer as demandas e ouvir sugestões das cooperativas, estreitando o relacionamento e identificando oportunidades de parcerias”, disse o analista técnico do Sescoop/PR, Jessé Rodrigues.

 

Continuidade - Ao abrir o encontro, o superintendente do Sescoop/PR, Leonardo Boesche, destacou a rápida a adaptação do Sistema Ocepar e das cooperativas a esse momento de pandemia. “O cooperativismo do Paraná não parou. Hoje 100% dos projetos de formação e capacitação, trabalhos de monitoramento, reuniões e outras atividades estão correndo no formato virtual. Montamos um Comitê de Acompanhamento para analisar os impactos econômicos e sociais da pandemia, monitorar e contingenciar os impactos nas cooperativas, melhorar a velocidade das decisões e respostas à crise, preservar e proteger as pessoas; e planejar a retomada dos trabalhos presenciais a partir de novas perspectivas”, contou. “O propósito do Sistema Ocepar é contribuir efetivamente para garantir a produção, o abastecimento e o pleno funcionamento das atividades das cooperativas paranaenses nesse momento de dificuldades”, frisou Boesche.

Autogestão - Após a apresentação do trabalho de representação institucional realizado pelo Sistema Ocepar, o analista técnico Jessé Rodrigues trouxe os indicadores de desempenho do cooperativismo do estado, com foco no ramo saúde e na Unimed Londrina. A consolidação das informações globais do setor, bem como o comparativo entre cooperativas do mesmo ramo, é feita a partir de dados enviados pelas cooperativas para o Programa Autogestão. “Com isso, conseguimos analisar indicadores como despesas, resultados, matriz de risco, liquidez, margem, patrimônio líquido imobilização, capitalização, capital de giro, sinistralidade, entre outros”, afirmou Rodrigues. “Estas informações são importantes para a tomada de decisão das cooperativas e do Sistema Ocepar, já que a partir disso conseguimos identificar as necessidades e elaborar uma pauta de demandas”, afirmou.

Sistema S - Na sequência, o coordenador de Cooperativismo do Sescoop/PR, Leandro Macioski, falou sobre as quatro áreas finalísticas do Sescoop/PR (Monitoramento, Profissionalização, Promoção Social e Gestão Estratégica), “A finalidade é apresentar os projetos e programas que estão à disposição das cooperativas, com uma análise em relação aos recursos arrecadados e o quanto desses valores retornam à base, na forma de serviços, cursos, treinamentos e soluções, entre as quais, programas como o de Compliance, a Formação de Auditores Internos e o Programa de Excelência de Gestão”, disse Macioski.

 

Avaliação - “O Sistema Ocepar está de parabéns pela forma clara e objetiva em que expôs as informações durante a reunião.  O sistema cooperativista mostrou a sua razão de ser nessa pandemia. Também agradecemos pelas soluções. Um exemplo é o Programa de Inovação, que já está em seu segundo ciclo. Esta ação nos deixou um pouco mais preparados para o momento que estamos vivendo”, disse o presidente da Unimed Londrina, Omar Taha. Pela cooperativa médica, também participaram da reunião de ontem: Ricardo Pinelli (superintendente Administrativo e Mercado), Jorge Luiz Gonçalves (superintendente de Provimento de Saúde), Ederson Crippa (diretor de Provimento de Saúde), Sérgio Humberto Bernardelli Parreira (diretor Administrativo e Financeiro), Rubens Martins Junior (diretor de Relacionamento com o Cooperado), Antonio Carlos Valezi (diretor de Mercados), Edison Henrique Vannuchi (Conselho Fiscal), Inês Paulucci Sanches (Conselho Técnico), Alexandre Lopes (gerente de Controladoria), Fábio Lehmann (Conselho Técnico), Rosangela Martins Ferreira (analista de Desenvolvimento Humano), Lúcia Maria Almeida Baum (gerente de Desenvolvimento Humano).

 

Continuidade - A Unimed Londrina integra o ramo saúde. A cooperativa é uma das 21 singulares do Sistema Unimed.  Iniciou suas atividades no dia 11 de março de 1971 e, desde então, são 49 anos sendo líder no mercado de planos de saúde em Londrina e região. Atualmente, conta com 1.160 médicos cooperados, 680 colaboradores e a maior rede de hospitais, clínicas e laboratórios para atender seus quase 200 mil beneficiários.

 

Estrutura - A singular ainda possui como serviços próprios o Pronto Atendimento adulto e infantil 24 horas, Clínica de Vacinas, SOS Unimed - Serviço de Urgência e Emergência, DOM - Atendimento Domiciliar, Clínica de Oncologia, Clínica Multiprofissional, academia e programas voltados à promoção da saúde e qualidade de vida. A cooperativa também está presente nos canais digitais. Pelo aplicativo Unimed Cliente PR e site, os beneficiários podem liberar consultas, acompanhar status de solicitação de procedimentos, consultar o guia médico, ter acesso ao cartão virtual e solicitar a segunda via do boleto. Em meio a pandemia, a Unimed disponibilizou a telemedicina que permitiu aos clientes fazer consultas médicas sem sair de casa.

 

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias