Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias SUSTENTABILIDADE: Conferência Nacional trará debates relevantes sobre preservação ambiental

 

 

cabecalho informe

SUSTENTABILIDADE: Conferência Nacional trará debates relevantes sobre preservação ambiental

sustentabilidade 12 08 2013A Política Nacional de Resíduos Sólidos representa atualmente um dos maiores desafios e, ao mesmo tempo, uma oportunidade para a sociedade brasileira nos próximos anos. Porém, o sucesso da política ainda depende de uma construção realista dos planos de resíduos sólidos e da interlocução com os diversos atores envolvidos. Consciente da importância do tema, o Sistema OCB conquistou assento na comissão organizadora da 4ª Conferência Nacional de Meio Ambiente, que trará o tema para uma ampla discussão. “Teremos, com este evento, a oportunidade para democratizar o debate a respeito da implementação da política e estabelecer a responsabilidade compartilhada entre governos, setor privado e sociedade civil”, destaca o superintendente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Renato Nobile.

Engajamento - Diante da centralidade do cooperativismo na Política, o Sistema OCB defende como fundamental o engajamento das cooperativas e de todas as unidades estaduais nos debates que serão realizados, tanto em nível estadual como nacional. “É a ferramenta ideal para garantirmos resultados compatíveis com os princípios cooperativistas”, frisa Nobile.

Encontros preparatórios - A 4ª Conferência Nacional de Meio Ambiente está marcada acontecer nos dias 24 a 27 de outubro deste ano. Até lá, diversos encontros preparatórios serão realizados para destacar os principais pontos de debate. As rodadas municipais já encerraram e, na próxima semana, tem início a etapa estadual.

Coleta de resíduos sólidos – Na semana passada, o governo federal lançou a terceira fase do Programa Cataforte - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias. A ação prevê investimentos de R$ 200 milhões em empreendimentos de catadores de materiais recicláveis, possibilitando a inserção de cooperativas no mercado da reciclagem e na cadeia de resíduos sólidos. Com o Programa, serão realizadas ações de assistência técnica, capacitação de catadores e lideranças, apoio à elaboração de planos de negócios, ampliação e nivelamento da infraestrutura das cooperativas.

Estruturação - O Cataforte também destinará recursos para a estruturação de cooperativas e associações possibilitando que estes empreendimentos se tornem aptos a prestar serviços de coleta seletiva para prefeituras, participar no mercado de logística reversa e realizar conjuntamente a comercialização e o beneficiamento de produtos recicláveis. Nesta terceira etapa do Cataforte, pretende-se alcançar 35 redes, e mais de 10 mil catadores. (OCB, com informações do Portal Brasil)

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias