Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias IAPAR: Referência na agropecuária do Estado, IDR-Paraná comemora 50 anos de pesquisa

 

 

cabecalho informe

IAPAR: Referência na agropecuária do Estado, IDR-Paraná comemora 50 anos de pesquisa

iapar 01 07 2022O IDR-Paraná (Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná-Iapar-Emater) completou nesta quinta-feira (30/06) 50 anos de criação numa solenidade que reuniu, em Londrina, mais de 400 pessoas, entre autoridades, lideranças, pesquisadores e técnicos ligados à agropecuária.

Produtividade e qualidade - O secret√°rio estadual da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, destacou a alta produtividade e a qualidade da agropecu√°ria paranaense que, segundo ele, t√™m participa√ß√£o importante de servidores que atuam na pesquisa. ‚ÄúEstamos avan√ßando na ci√™ncia, no conhecimento, em produtos que nos permitam fazer mais com menos, trazendo bons rendimentos aos produtores e promovendo a sustentabilidade‚ÄĚ, afirmou.

Concurso p√ļblico - Ele informou que em breve deve ser realizado um concurso p√ļblico para a contrata√ß√£o de servidores para o Instituto. ‚ÄúO concurso n√£o ser√° feito agora por quest√Ķes eleitorais‚ÄĚ, explicou.

Reconhecimento - Para Natalino Avance de Souza, presidente do IDR-Paran√°, esta homenagem √© um reconhecimento ao trabalho de um ciclo. ‚ÄúSe tomarmos o per√≠odo de 1972 a 2022, n√≥s conseguimos que o Estado tivesse uma revolu√ß√£o de eminentemente importador de alimentos para um Estado que √© a esperan√ßa para a alimenta√ß√£o mundial‚ÄĚ, disse ele. ‚ÄúExportamos para 187 pa√≠ses, e tudo isso foi conseguido gra√ßas √† pesquisa, transfer√™ncia de tecnologias e um arranjo organizacional que permitiu transformar a agricultura do Paran√°‚ÄĚ, afirmou.

Mudan√ßas - A diretora de Pesquisa e Inova√ß√£o do IDR-Paran√°, Vania Moda Cirino, tamb√©m destaca as mudan√ßas no setor rural. ‚ÄúA pesquisa nessas cinco d√©cadas contribuiu efetivamente para transformar o meio rural do Paran√°. De uma monocultura cafeeira, evolu√≠mos para uma agricultura que √© uma das mais diversificadas do Pa√≠s‚ÄĚ, disse.

Iapar - O cinquenten√°rio remete ao anivers√°rio do antigo Iapar (Instituto Agron√īmico do Paran√°), centro de pesquisas voltado √† agropecu√°ria fundado em 1972 e integrado ao Instituto por reforma administrativa, em dezembro de 2019. A fus√£o englobou tamb√©m a Emater-PR (Instituto de Assist√™ncia T√©cnica e Extens√£o Rural), a Codapar (Companhia de Desenvolvimento Agropecu√°rio do Paran√°) e o CPRA (Centro Paranaense de Refer√™ncia em Agroecologia).

Lançamentos - A solenidade foi marcada pela entrega de cinco novas cultivares ao setor produtivo e o lançamento de dois livros, ambos abordando a temática do manejo de plantas daninhas.

Op√ß√Ķes - A aveia gran√≠fera IPR Andr√īmeda, o c√°rtamo IPR 211 e a canola IPR 212 foram desenvolvidos com o objetivo de oferecer aos agricultores op√ß√Ķes para a produ√ß√£o de gr√£os e obten√ß√£o de renda no inverno, enquanto que o nabo forrageiro IPR 210 prioritariamente ser√° destinado ao uso como planta de cobertura em estrat√©gias de manejo conservacionista do solo.

Cultivo - A variedade de milho precoce IPR 216, também lançada no evento, pode ser cultivada nas duas safras do cereal e destinada tanto à produção de grãos como para ensilagem da planta inteira.

Livros - O livro ‚ÄúPlantas daninhas em pastagens do Paran√°‚ÄĚ, do pesquisador Walter Miguel Kranz, apresenta o resultado de levantamento conduzido em 167 propriedades t√≠picas de quatro grandes regi√Ķes ‚ÄĒ Primeiro e Segundo Planaltos, Terceiro Planalto, Arenito e Campos Nativos.

Abordagem central - Escrito pelo pesquisador Francisco Skora Neto, a redu√ß√£o do uso de herbicidas para controlar plantas daninhas em plantio direto √© a abordagem central do segundo livro ‚ÄĒ ‚ÄúManejo sustent√°vel de plantas daninhas: fundamentos para um sistema de plantio direto sem herbicida‚ÄĚ.

C√°psula do tempo - Durante a cerim√īnia, a diretora Vania Cirino e o ex-presidente do Iapar, Florindo Dalberto, abriram uma ‚Äúc√°psula do tempo‚ÄĚ instalada em 2012 junto a um rel√≥gio que, desde ent√£o, fez a contagem regressiva para as bodas de ouro da pesquisa.

Hist√≥ria e conquistas - Em meio s√©culo de atividades o IDR-Paran√° ofereceu ao setor produtivo 220 cultivares para as mais diversas culturas de interesse econ√īmico: feij√£o, trigo, caf√©, milho, arroz, batata, forrageiras, frutas de clima temperado e tropical, mandioca e plantas para aduba√ß√£o verde e cobertura do solo.

Quatro por ano - ‚Äú√Č uma m√©dia de quatro lan√ßamentos por ano, que resultaram em aumento da produtividade, melhoria de vida de agricultores e consumidores, diminui√ß√£o de impactos ambientais e disponibilidade de alimentos a pre√ßos compat√≠veis com o n√≠vel de renda da popula√ß√£o brasileira‚ÄĚ, afirmou Vania Cirino.

Precursor - Ela destacou ainda que o Estado foi precursor em estudos sobre plantio direto no Brasil. Com abordagem em microbacias, pesquisadores do IDR-Paran√° desenvolveram e adaptaram m√©todos de terraceamento e cultivo m√≠nimo que possibilitaram recuperar milhares de hectares de solo cultivado, inspirando projetos similares em outras regi√Ķes brasileiras e tamb√©m na Am√©rica Latina e na √Āfrica.

Cancro c√≠trico - Outro exemplo √© o caso dos estudos que possibilitaram manejar o cancro c√≠trico e viabilizar a inser√ß√£o do Paran√° no mapa da produ√ß√£o nacional e internacional de frutas c√≠tricas, segundo a pesquisadora.

Ma√ß√£ - No melhoramento gen√©tico de plantas, destaca-se o desenvolvimento de cultivares de ma√ß√£ apropriadas para cultivo em regi√Ķes de inverno ameno, hoje cultivadas em todos os Estados do Sul do Brasil, S√£o Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Bahia.

Gado - Tamb√©m √© obra do Instituto a cria√ß√£o da primeira ra√ßa paranaense ‚ÄĒ e a primeira no Brasil desenvolvida em um centro estadual de pesquisa ‚ÄĒ de bovino para corte, o Purun√£, obtido a partir de cruzamentos envolvendo animais puros das ra√ßas Aberdeen Angus, Canchim, Caracu e Charol√™s.

Novos profissionais - Cirino lembra ainda a forte atua√ß√£o institucional na forma√ß√£o de novos pesquisadores e t√©cnicos, por meio de um mestrado em agricultura conservacionista, mantido em parceria com a UEL (Universidade Estadual de Londrina). ‚ÄúTamb√©m conduzimos h√° 30 anos um programa de inicia√ß√£o cient√≠fica que j√° acolheu 1,8 mil estudantes de gradua√ß√£o‚ÄĚ, acrescentou.

Artigos - Ao longo dessas cinco d√©cadas, os pesquisadores do IDR-Paran√° assinaram in√ļmeros artigos nos mais conceituados peri√≥dicos do meio acad√™mico e publicaram mais de 600 livros e boletins t√©cnicos direcionados √† transfer√™ncia de tecnologias para produtores, profissionais da assist√™ncia t√©cnica e estudantes.

Alep - Ainda nessa semana, a Assembleia Legislativa do Paran√° dedicou o grande expediente da segunda-feira (27/06) para homenagear os 50 anos de pesquisa do IDR-Paran√° e destacar a contribui√ß√£o da ci√™ncia, tecnologia e inova√ß√£o ao desenvolvimento da agricultura paranaense e melhoria da qualidade de vida no campo.

Presen√ßas - Tamb√©m participaram da solenidade os ex-presidentes do Iapar Wilson Pan, Luiz Ganassin, Gon√ßalo Signorelli de Farias e Marcos Vieira, al√©m de Hor√°cio Flaco Sperandio Juliatto, que representou seu pai, Raul Juliatto, o primeiro dirigente da institui√ß√£o; Otamir Cesar Martins, diretor-presidente da Adapar (Ag√™ncia de Defesa Agropecu√°ria do Paran√°); Claudio Stabile, diretor-presidente da Sanepar; Eder Eduardo Bublitz, presidente da Ceasa Paran√°; Sandra Moya, representante da Casa Civil do Estado; J√ļlio C√©sar Damasceno, reitor da Universidade Estadual de Maring√°; o ex-secret√°rio de Agricultura e ex-governador do Paran√°, Orlando Pessuti; Reinhold Stephanes, ex-ministro da Agricultura; Alexandre Lima Nepomuceno, chefe-geral da Embrapa Soja; Jo√£o Mendon√ßa, vice-prefeito de Londrina; Luzia Suzukawa, prefeita de Tamarana; Jos√© Maria Ferreira, prefeito de Ibipor√£; A√≠lton Aparecido Maistro, prefeito de Rol√Ęndia; On√≠cio de Souza, prefeito de Florest√≥polis; Sidnei Dezotti, prefeito de Guaraci e, ainda, Rafael Fuentes, Altair Sebasti√£o Dorigo e Diniz Dias Doliveira, respectivamente diretor de integra√ß√£o, de neg√≥cios e de extens√£o rural do IDR-Paran√°. (Ag√™ncia Estadual de Not√≠cias)

FOTO: Gisele Bar√£o / Seab

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias

/* #### ANTIGA TAG DO GOOGLE ANALYTICS */