Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias CREDICOAMO: Cooperativa tem ativo total administrado de R$ 4,960 bilhões e sobras de R$ 235,546 milhões

 

 

cabecalho informe

CREDICOAMO: Cooperativa tem ativo total administrado de R$ 4,960 bilhões e sobras de R$ 235,546 milhões

A Credicoamo Crédito Rural Cooperativa realizou nessa quinta-feira (09/03), a 33ª Assembleia Geral Ordinária. Associados do Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul participaram da AGO em Campo Mourão, município sede da cooperativa, onde votaram e aprovaram os números referentes ao exercício de 2022.

Receita global - A receita global da Credicoamo, apesar de todos os impactos decorrentes das frustrações de safras, apresentou um crescimento de 112,40%, totalizando R$ 529,184 milhões, motivado pelo crescimento da movimentação financeira dos associados e elevação da taxa Selic. Foram realizadas operações de crédito no montante de R$ 3,041 bilhões.

Ativo total - O ativo total administrado somou R$ 4,960 bilhões, um crescimento de 14,60%. O patrimônio líquido encerrou o exercício com o valor de R$ 1,173 bilhão, crescimento de 21,36%. As sobras antes dos juros sobre o capital social encerraram o ano com o valor de R$ 235,546 milhões. O valor distribuído aos associados supera R$ 95,3 milhões.

Liquidez corrente - A liquidez corrente de 1,28 e a liquidez geral de 1,34, junto com os demais índices de solvência, refletem a boa situação econômica e financeira da Credicoamo.

Desafios - De acordo com o presidente do Conselho de Administração da Credicoamo, José Aroldo Gallassini, 2022 foi marcado por grandes desafios para a cooperativa de crédito. Ele recorda que a Credicoamo precisou se adaptar e se flexibilizar diante das situações motivadas pela frustração da segunda safra de milho e do trigo e pela safra de verão. “Essas frustrações impactaram diretamente na geração de receitas dos associados e, consequentemente, nas operações da Credicoamo.”

Indenizações - As indenizações do Seguro Agrícola e do Proagro das culturas de milho segunda safra e trigo, safras 2021/21, tiveram acionamento de mais de 87% das apólices com valor indenizado de R$ 254,662 milhões. “Na sequência, houve a frustração da safra de verão 2021/22, com mais de 80% de acionamentos, que pela sua abrangência, exigiu da estrutura da Credicoamo e das seguradoras uma força tarefa para que as indenizações fossem levadas ao bom termo no menor prazo possível e que resultaram em indenização superior a R$ 849,075 milhões. Essas ocorrências aliadas ainda às consequências da pandemia do coronavírus, levaram à prova o sistema de governança corporativa, que se consolidou definitivamente como uma estrutura de gestão eficiente e dinâmica e que norteará o crescimento e o futuro da Credicoamo”, comenta Alcir José Goldoni, presidente Executivo da Credicoamo.

Inovação - Segundo ele, mesmo diante das adversidades, e com olhar no futuro, a Credicoamo buscou alinhar inovação em seus sistemas operacionais, abertura de agências e ampliação o portfólio de produtos e serviços. “A participação ativa dos associados e a sua compreensão, geraram o alicerce e a segurança para o crescimento que a Credicoamo tem apresentado. O sentimento de pertencimento na cooperativa de crédito, está cada vez mais transformando a Credicoamo no seu domicílio financeiro e resultou no melhor ano da Credicoamo” observa Goldoni.

Números - Credicoamo em números: A Credicoamo é uma instituição financeira cooperativa com foco no desenvolvimento das atividades dos associados e da região onde vivem. Com sistema de governança corporativa e de gestão, a cooperativa conta com 50 agências nos Estados do Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul e tem mais de 24.540 associados. Em 2022, a Credicoamo admitiu 2.279 novos associados. (Imprensa Credicoamo)

icone prcoop icone instagram icone facebook icone X icone linkedin icone youtube icone flickr icone endereco