Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias FINANÇAS: Executivos do Banco Safra participam de reunião on-line com Sistema Ocepar

 

 

cabecalho informe

FINANÇAS: Executivos do Banco Safra participam de reunião on-line com Sistema Ocepar

financas 22 03 2023Os executivos do Banco Safra, Renata Pinheiro Andre Bertti, superintendente de Crédito, Tatiane Wilwert Possebom, senior Banker, Paulo de Maio Neto, diretor Large Corporate, e os analistas de Crédito, Gabriel Kopp Real e Thiago Guimarães de Souza, participaram, no final da tarde dessa terça-feira (21/03), de uma reunião on-line, através da plataforma Teams Microsoft. O encontro contou com a participação do presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, do superintendente, Robson Mafioletti e de Flávio Turra, gerente de Desenvolvimento Técnico da Ocepar.

Planejamento - Ricken abriu a reunião tecendo comentários sobre os principais indicadores do cooperativismo paranaense, em especial a meta estipulada pelo Planejamento Estratégico, o PRC200 de atingir uma movimentação financeira de R$ 200 bilhões por ano. Segundo estimativas do setor, em 2022, que ainda não teve fechado o levantamento final, o setor deverá atingir um faturamento de R$ 186 bilhões. “Hoje, o cooperativismo paranaense está bem estruturado”, disse. Ricken lembrou que o sistema atua próximo das cooperativas. “Através do Programa de Autogestão, realizamos um monitoramento mensal das cooperativas. Temos um banco de dados desde os anos de 1990 onde podemos analisar a situação financeira, de forma individual e assim orientá-las da melhor forma possível”, acrescentou.

Preocupações  - Questionado sobre as principais preocupações do setor, ele destacou: “escassez no crédito, com juros ainda muito altos, influenza aviária, infraestrutura. A situação das nossas estradas chegou à exaustão. Estamos tendo uma das melhores safras dos últimos anos, mas a dificuldade de escoamento preocupa pelas constantes interrupções das estradas, especialmente à que leva ao Porto de Paranaguá, principal saída da nossa produção. Precisamos de investimentos pesados em logística para não perdermos mercado”, lembrou. Já sobre a questão sanitária, o dirigente destacou que, em maio de 2021, o Paraná conquistou o status de área livre de aftosa sem vacinação e livre de peste suína clássica. “Foi resultado de uma união de esforços entre os produtores, entidades e governo. Precisamos manter e ampliar mercados para nossos produtos”.

Governança - Outro ponto abordado durante a reunião foi sobre governança cooperativa. Segundo Renata Pinheiro Andre Bertti, “as cooperativas ainda têm muitos desafios, mas no Paraná são muito organizadas e conseguem dar respostas rápidas diante das dificuldades. Na parte operacional vocês tem isso tudo ranqueado com vários indicadores”, frisou. Na visão de Ricken, “o Paraná avançou muito, vemos boas iniciativas nas cooperativas paranaenses na gestão e governança e cada vez mais o mercado assim exige”.

Modelo - Para o presidente do Sistema Ocepar, “a cooperativa é uma alternativa econômica e tem servido como um modelo ao mercado, sem paternalismo. Nesta época do ano, todas as cooperativas estão realizando suas assembleias de prestação de contas, de forma transparente e democrática. Gestão profissionalizada, com pessoas indicadas para comandar. Não tem mais espaço para paternalismo, avançamos muito neste sentido de forma sustentável”, finalizou.

 

icone prcoop icone instagram icone facebook icone X icone linkedin icone youtube icone flickr icone endereco