Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias SUMMIT: Cooperativas do Paraná apresentam programas de sustentabilidade em operação

 

 

cabecalho informe

SUMMIT: Cooperativas do Paraná apresentam programas de sustentabilidade em operação

Exemplos concretos de programas e projetos voltados para promover a sustentabilidade da produção agropecuária e que já estão em operação nas cooperativas do Paraná foram apresentados durante o Summit 2024 – Produção Responsável de Alimentos Seguros. O evento, promovido pelo Sistema Ocepar em parceria com a Gazeta do Povo, reuniu nessa terça-feira (28/05), em Curitiba, cerca de 120 profissionais das áreas técnicas das cooperativas do estado.

Produtores cooperados - O Paraná conta atualmente quase 200 mil produtores ligados às 62 cooperativas do setor agropecuário, sendo que mais de 70% são pequenos produtores.

Programa de Baixo Carbono - A pesquisadora Roberta Aparecida Carnevalli Monteiro, da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), apresentou o Programa Soja Baixo Carbono, que tem como foco a produção sustentável de soja, abordando a importância das tecnologias adequadas a baixa emissão de gases de efeito estufa. O manejo do carbono também foi tema da apresentação do professor João Carlos Sá, da Universidade do Estado de Ohio (EUA).

Práticas sustentáveis - Francis Dalton Gomes Bavoso, coordenador de Sustentabilidade e Energias Renováveis da Frísia, apresentou o Programa Fazenda Sustentável da cooperativa. Segundo ele, em um ano de implantação, o programa já conta com a adesão de 100 dos 1,1 mil cooperados, em 113 fazendas.

Auxílio - O objetivo do Fazenda Sustentável é auxiliar o cooperado a valorizar seus produtos a partir da adoção de práticas sustentáveis, estimulando a adesão de boas práticas ambientais, trabalhistas e de gestão. Outro benefício, de acordo com Bavoso, é orientar o cooperado na adaptação da propriedade, com foco na obtenção das certificações de sustentabilidade. “O objetivo é que todos os cooperados venham aderir ao programa. Há uma preocupação crescente da Frísia com as adequações legais e promover uma melhoria contínua no ambiente e gestão das propriedades rurais”, explicou.

Atendimento personalizado - Tatiane Cristina Zabot Anderle, analista de qualidade da Cooperativa Agrária, de Guarapuava, na região Central do Paraná, apresentou o Programa Agrária de Gestão Rural, da Agrária. A iniciativa foi implementada em 2006 e evoluiu com o passar do tempo. Segundo Tatiane, a assessoria aos cooperados é personalizada, formatada de acordo com o perfil e a necessidade do produtor. O programa é dividido em níveis e todo o processo é auditado.

ILPF - A Cocamar Cooperativa Agroindustrial (Cocamar), com sede em Maringá, trouxe o exemplo da Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF). O gerente técnico de ILPF, Emerson da Silva Nunes, contou que o programa começou há cerca de 20 anos e, na época, a ideia era buscar alternativas para o solo pobre e arenoso da Região Noroeste do Paraná conhecido como Arenito Caiuá.

Foco - A estratégia ILPF tem como foco a utilização de diferentes sistemas produtivos, agrícolas, pecuários e florestais dentro de uma mesma área. O foco é otimizar o uso da terra, melhorando a produtividade em uma mesma área, aproveitando melhor os insumos, diversificando a produção e gerando mais renda e emprego. “Transformar o arenito ajudou a modificar o cenário da região”, comentou o gerente.

Outras iniciativas - Durante o evento, também foram apresentadas iniciativas de assistência técnica da Cooperativa Coamo, com foco na Produção Agrícola; na Integração Avícola, da Cooperativa C.Vale e a Agricultura de Precisão, da Cooperativa Castrolanda (Gazeta do Povo)

FOTOS: Carlos França

icone prcoop icone instagram icone facebook icone X icone linkedin icone youtube icone flickr icone endereco