Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias MEIO AMBIENTE: Coopavel se alia a projeto que ensina sobre reciclagem em escolas públicas

 

 

cabecalho informe

MEIO AMBIENTE: Coopavel se alia a projeto que ensina sobre reciclagem em escolas públicas

Setenta e três alunos das escolas municipal Rural Professor Valentin Bernardo Thisen e estadual do Campo Thomaz Pereira dos Santos, de Catanduvas (PR), participam de uma competição diferente em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, oficialmente lembrado em 5 de junho. Juntamente com a Prefeitura de Catanduvas, por meio das secretarias de Agricultura e Meio Ambiente e de Educação, Coopavel e Inpar (Instituto Paranaense de Reciclagem) envolvem estudantes do quarto ao nono anos em um projeto com foco na educação ambiental.

Torneio - Os alunos participam de um torneio usando como ferramenta de aprendizagem o jogo Avançar para Reciclar, elaborado pelo Inpar em associação com a BrinqMutti, de Ponta Grossa. A competição vai se desenvolver durante semanas de junho, mês especialmente dedicado às mais diferentes atividades para reforçar a consciência e a prática ambiental. “A Coopavel, que desde o início de suas atividades, há 53 anos, integra-se à causa ambiental e à sustentabilidade, entendeu o alcance educativo desse jogo e, por isso, decidiu participar como apoiadora da competição”, informa a engenheira ambiental Lucimar Novaes.

Didático - O Avançar para Reciclar tem propósitos similares ao Projeto Catae, da Coopavel, criado para disseminar boas práticas ambientais e a reciclagem nos mais diferentes ambientes da cooperativa e também durante o Show Rural. O jogo ensina sobre resíduos sólidos e sua correta destinação final. De tabuleiro, ele tem cartas com perguntas, fichas de resíduos sólidos, peões e dado. A ideia é muito simples: as crianças aprendem brincando, segundo Lucimar, que destaca o empenho das professoras na parceria. São elas: Simone Zili Aguilera e Sandra Prediger (escola municipal); Eliane Aparecida Belin Mandrick e Mariana Amaral Guedes (escola estadual).

Tabuleiro - O fundo do tabuleiro é inspirado em uma cidade. Ali, o jogador pode andar pelos caminhos e depositar os resíduos gerados. Há percursos mais longos e outros mais curtos para que o competidor possa refletir sobre a melhor opção disponível. Um dos personagens do jogo é o Senhor Consciência, uma coruja que ensina o aluno por meio de perguntas rimadas. Os estudantes têm contato com informações sobre tipos de materiais e sua destinação, hábitos de separação, conceitos de gestão de resíduos, curiosidades sobre gestão de resíduos e hábitos bons e ruins em relação ao meio ambiente, informa a coordenadora do projeto em Catanduvas, Claudia Maziero.

Novidade - Um dos desafios da Inpar é, em parceria com empresas, levar a novidade às escolas. Ao se associar ao projeto, como faz a Coopavel em Catanduvas, há como benefícios o fortalecimento do relacionamento dela com a comunidade, reforço do compromisso com a educação ambiental e contribuição para a estratégia ESG, dando maior materialidade ao seu compromisso socioambiental. “A Coopavel é uma empresa ambientalmente responsável e estamos muito animados em participar e ajudar a disseminar uma boa prática como essa, que é a correta destinação de resíduos sólidos”, destaca o presidente da Coopavel, Dilvo Grolli.

Final do torneio - A final do torneio nas escolas de Catanduvas será na última semana de junho. Os três alunos melhores colocados de cada turma vão receber prêmios. “Mas o maior prêmio, e não tenho dúvidas disso, será o conhecimento adquirido pelos estudantes sobre um assunto sério e do qual todos nós precisamos entender e praticar”, assinala o presidente Dilvo. (Assessoria de Imprensa Coopavel)

icone prcoop icone instagram icone facebook icone X icone linkedin icone youtube icone flickr icone endereco